terça-feira, 25 de abril de 2017

Vida FELIZ CL - Joanna de Ângelis






Vida FELIZ   CL

Joanna de Ângelis


Porque as pessoas se te apresentem más e egoístas, ou porque te aflijam e desconsiderem, não planejes o revide.

Há quem ainda se compraz no mal, quem perturba e se ufana disso.

São seres mal saídos do primarismo, adquirindo a luz da razão e a sensibilidade da emoção.

Não é justo que desças e a elas te niveles, sofrendo mais, quando podes ascender e elevá-las, alterando a paisagem moral do mundo para melhor.

Seja tua a ação de engrandecimento e compreensão das falhas e limites do teu próximo.

Jamais te arrependerás, agindo assim.




FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.199-200.

sábado, 22 de abril de 2017

Vida Feliz CXLIX - Joanna de Ângelis





Vida Feliz     CXLIX

Joanna de Ângelis


Deus conhece o teu destino e comanda a tua vida.

O que te ocorre, mereces, a fim de conquistares novas marcas na escala da evolução.

Deus é Pai Misericordioso e vela por ti.

Jamais te consideres desprezado, resvalando pela rebeldia e blasfêmia.

O homem deve treinar coragem e resignação, sem cujos valores permanece criança espiritual.

Deus não tem preferências e nos ama a todos.

Deixa-te conduzir pelas ocorrências que não podes mudar, e altera com amor aquelas que te irão beneficiar.

Desesperar-te?

Nunca!



FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.197-198.

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Vida Feliz CXLVIII - Joanna de Ângelis









Vida Feliz    CXLVIII

Joanna de Ângelis


Todos sofrem, enquanto estão no mundo.

A dor é um método eficiente para a renovação, quando falecem os benefícios do amor não vivido.

Diante desta fatalidade inevitável, que o Espírito enfrenta nos mais variados matizes, cumpre-lhe recebê-la com dignidade e confiança.

O que hoje se apresenta atormentante, ameaçador, amanhã se converte em paz.

A doença física ou mental, a aflição econômica ou moral, passam, deixando os resultados conforme o grau de elevação pessoal através do qual foram recebidas.

Não te consideres, pois, infeliz, quando sofrendo.

Retira os benefícios da injunção expungitiva e segue adiante, encorajado.



FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.195-196.

domingo, 16 de abril de 2017

Vida Feliz CXLVII - Joanna de Ângelis







Vida Feliz    CXLVII

Joanna de Ângelis


Se algum projeto que elaboraste redundou em fracasso, não te aborreças, nem o abandones por isso.

0 aparente fracasso é a forma pela qual a Divindade te ensina a corrigir a maneira de atuar, facultando-te repetir a experiência com mais sabedoria.

Quem se recusa a reencetar o trabalho, porque foi mal sucedido antes, não merece desfrutar o êxito dos resultados.

A arte de recomeçar é medida de engrandecimento para quem aspira mais altos cometimentos.

Ninguém logra respostas felizes, sem as tentativas do insucesso.

A vida é constituída de lições que se repetem até fixarem-se corretamente.



FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.193-194.

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Vida Feliz CXLVI - Joanna de Ângelis








Vida Feliz    CXLVI

Joanna de Ângelis



A irritabilidade é espinho cravado nas carnes da emoção, que deve ser extirpado.

Quanto mais permanece, piora o estado de quem o conduz, gerando infecções duradouras quão perniciosas.

A pessoa irritável não necessita de motivos para o mau humor, a insatisfação.

Gera-os com facilidade, por conduzir-lhes os germes nos sentimentos agressivos e amargurados.

Faz-se intratável e exala o morbo que lhe caracteriza a conduta.

Agrada-se, quando desagrada; alegra-se, quando se desforça em quem defronta, mesmo que este nada lhe tenha feito de mal.

É sempre infeliz por prazer.

Vence a irritação, ou, do contrário, serás por ela destruído.




FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.191-192.

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Vida Feliz CXLV - Joanna de Ângelis





Vida Feliz    CXLV

Joanna de Ângelis


Não és um observador distante da vida.


Estás na condição de membro do organismo universal, investido de tarefas e responsabilidades, de cujo desempenho, por ti, resultarão a ordem e o sucesso de muitas coisas.


A postura de quem observa de fora produz enfoques e conclusões equivocados.


No entanto, a participação consciente dá medida correta e propicia melhor compreensão dos dados ao alcance.


Considera-te pessoa valiosa no conjunto da Criação, tornando-te, cada dia, mais atuante na Obra do Pai e fazendo-a melhor conhecida e mais considerada.


Tu és herdeiro de Deus, e o Universo, de alguma forma, te pertence.




FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.189-190.

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Vida Feliz CXLIV - Joanna de Ângelis








Vida Feliz    CXLIV

Joanna de Ângelis


Guia-te sempre pela decisão que produza menor soma de prejuízos a ti mesmo e ao teu próximo.


Antes de assumires compromissos, reflexiona a respeito dos possíveis resultados, e mais facilmente saberás eleger aqueles que te proporcionarão melhores frutos para o futuro.


Sempre que algumas vantagens para ti ofereçam danos para outrem, recusa-as, porquanto ninguém poderá ser feliz erguendo a sua alegria sobre o infortúnio do seu próximo.


Isto equivale a dizer: "Não faças ao outro aquilo que não gostarias que ele te fizesse."


O que hoje percas a favor de alguém, amanhã receberás sem prejuízo de ninguém.



FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.187-188.

terça-feira, 4 de abril de 2017

Vida Feliz CXLIII - Joanna de Ângelis





Vida Feliz    CXLIII

Joanna de Ângelis


Sê amigo da verdade, sem a transformares numa arma de destruição ou de ofensa.


Não é tanto o que se diz, que oferece resultados positivos ou desagradáveis, mas, a forma como se diz.


Ademais, a tua pode não ser a verdade real, senão, um reflexo dela.


E mesmo que o fosse, não estás autorizado a esgrimi-la com finalidades perturbadoras.


Antes de assumires a postura de quem corrige e ensina com a verdade, coloca-te no lugar do outro, aquele a quem te irás dirigir, e a consciência te apontará o rumo a seguir e a melhor maneira de te expressares.




FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.186.

sábado, 1 de abril de 2017

Vida Feliz CXLII - Joanna de Ângelis





Vida Feliz    CXLII

Joanna de Ângelis


As tuas necessidades reais não exorbitam a área das tuas posses.


Cada criatura nasce ou renasce dentro do esquema que lhe faculta as melhores possibilidades para ser feliz.


A inconformação e a rebeldia, porém, normalmente armam o indivíduo com ambição e violência que geram estados desditosos, mesmo quando ele consegue acumular excessos e quinquilharias a que atribui valores relevantes, exagerados.


Nunca faltariam os recursos para a sobrevivência humana, caso não houvesse nos corações o predomínio do egoísmo, da avareza e do desinteresse fraternal.




FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.185.

quarta-feira, 29 de março de 2017

Vida Feliz CXLI - Joanna de Ângelis






Vida Feliz    CXLI

Joanna de Ângelis


Dosa com cuidado as tuas emoções.


Uma atitude afetada é sempre desagradável, tanto quanto o retraimento injustificável é responsável por muitas dificuldades no relacionamento social.


A afetação é distúrbio de conduta, e o retraimento é sintoma de insegurança.


Auto analisa-te com carinho e sinceridade, buscando superar as ansiedades e os temores que respondem pelo teu comportamento.


Atitudes tranquilas são resultado de realização íntima, que somente conseguirás mediante exercícios de prece, paciência e meditação.


Assim, o controle das tuas emoções se fará possível.



FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.183-184.


domingo, 26 de março de 2017

Vida Feliz CXL - Joanna de Ângelis





Vida Feliz    CXL

Joanna de Ângelis



Não te canses de amar.


É possível que a resposta do amor não te chegue imediatamente.


Talvez te causem surpresa as reações que propicia.


É possível que as haja desencorajadoras.


Sucede que, desacostumadas aos sentimentos puros, as pessoas reagem por mecanismos de autodefesa.


Insistindo, porém, conseguirás demonstrar a excelência desse sentimento sem limite e mimetizarás aqueles a quem amas, recebendo de volta a bênção de que se reveste.


Ama, portanto, sempre.



FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.182.

quinta-feira, 23 de março de 2017

Vida Feliz CXXXIX - Joanna de Ângelis






Vida Feliz    CXXXIX

Joanna de Ângelis


Há quem cultive a verdade, tornando-a arma para agredir os outros.


A verdade, porém, reflete luz mirífica, aclaradora de incógnitas, que jamais fere ou aflige.


É como pão, que deve ser ingerido sem exagero, ou como linfa, que merece ser sorvida na quantidade exata.


À medida que nutre e dessedenta, acalma e felicita, enriquecendo de compreensão e afabilidade aquele que a penetra.


Jamais a apliques com dureza, qual se fosse uma arma para destruir os outros, pois que, assim tornada, perde a finalidade precípua que é a de libertar.



FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.181.


segunda-feira, 20 de março de 2017

Vida Feliz CXXXVII - Joanna de Ângelis





Vida Feliz    CXXXVII

Joanna de Ângelis

Não obstante o relacionamento afetivo e social que manténs, os testemunhos que te dimensionarão em outra posição fazem-se sempre sem condições de surpresa, colhendo as pessoas a sós.


Os afetos, os amigos, os companheiros, poderão partilhar-te as dores, porém, a tua, será sempre uma cruz pessoal.


Nem poderia ser diferente.


Ao amparo da justiça divina , cada homem resgata de acordo com a dívida e cresce conforme a circunstância em que delinqúiu.


Equipa-te de paz e fé, preparando-te para a ascensão que se te impõe, inevitável.




FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.179.






Vida Feliz    CXXXVIII

Joanna de Ângelis


Sê amigo conveniente, sabendo conduzir-te com discrição e nobreza junto àqueles que te elegem a amizade.


A discrição é tesouro pouco preservado nas amizades terrenas, normalmente substituída pela insensatez, pela leviandade.


Todas as pessoas gostam de companhias nobres e discretas, que inspiram confiança, favorecendo a tranquilidade.


Ouve, vê, acompanha e conversa com nobreza, sendo fiel à confiança que em ti depositem.




FRANCO, Divaldo Pereira pelo Espírito Joanna de Ângelis. Vida Feliz, p.180.